segunda-feira, fevereiro 23, 2009

Que nunca por vencidos se conheçam

Adicionei nas minhas ligações este blogue, e propunha-lhe o lema dos para-quedistas.

2 Comments:

At 2:29 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O artigo do Dr.Godinho Granada, no jornal O Diabo da semana que passou, merece ser lido por todos os portugueses que verdadeiramente se prezem de o ser. Diria mais, é de leitura obrigatória. Trata-se de um grito de revolta incontida de um patriota contra o estado miserável em que se encontra o País em todos os sectores da sociedade, de que todos os políticos corruptos e mentirosos que nos têm governado desde o 25/4, são os seus principais obreiros e únicos responsáveis. Trata-se de um grito "às armas" feito de uma forma inteligente e corajosa, tornando claro que só os portugueses na sua totalidade podem inverter o caminho para o abismo que Portugal, levado por políticos criminosos e traidores, insiste em percorrer. A seita que domina o país, imposta por poderes extra-Portugal, destruiu-o irremediàvelmente, contudo ainda não obliterou a fibra de que é feito o seu admirável povo. E o povo português é um dos mais gloriosos e valentes da história da humanidade. Torna-se urgente que o prove uma vez mais.
As palavas contidas neste brilhante artigo traduzem um clamor pela Pátria em perigo e a desmoronar-se perante os nossos olhos, sem que haja um punhado de portugueses valorosos que lhe ponham um travão definitivo. O que está ali escrito é um brado d'alma e em simultâneo uma demonstração de patriotismo e nobreza inexcedíveis. Trata-se de um acto de heroismo e paralelamente um grito d'alerta lançado aos portugueses. Assim eles o saibam escutar, interpretar e a ele corresponder.

Os portugueses necessitam acordar de uma vez por todas e prepararem-se para escrever mais uma página da sua Gloriosa História. É Hora.
Maria

 
At 9:14 da tarde, Blogger Lory Boy said...

Caro Manuel

este é um verdadeiro lema que tentarei não esquecer!
Obrigado

Um Abraço

 

Enviar um comentário

<< Home